Setor Palotina

Menu

Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia


P√ĀGINA INICIAL¬† |¬†¬†¬†COORDENA√á√ÉO¬† |¬† PROFESSORES ¬†| MATRIZ CURRICULAR ¬†| PPC¬†|¬†GALERIA DE FOTOS¬†|¬†PLANEJAMENTO ESTRAT√ČGICO¬†|¬†DISPENSA DE PR√Č-REQUISITO


Programa de P√≥s-Gradua√ß√£o em Biotecnologia¬†|¬†P√≥s-Gradua√ß√£o em Bioqu√≠mica e Biologia Molecular¬†|¬†Links √ļteis EBB¬†|¬†Semanas Acad√™micas de EBB¬†|¬†Calend√°rio Acad√™mico 2020¬†|¬†Plano de a√ß√£o da coordena√ß√£o de EBB (gest√£o 2018-2020)


LOGO

UFPR ALERTA: COVID 19

 

 

BIOTECNOLOGIA

Historicamente a biotecnologia tem duas vertentes para o seu surgimento, uma baseada na qu√≠mica verde com o emprego de processos menos agressivos ao meio ambiente, e outra nos estudos gen√īmicos incluindo as t√©cnicas de DNA recombinante.

A palavra biotecnologia √© composta por tr√™s termos de origem grega: BIO ‚Äď que quer dizer vida; TECNOS ‚Äď que designa a utiliza√ß√£o pr√°tica da ci√™ncia, e LOGOS ‚Äď que significa conhecimento.

Tecnicamente, e conforme descrito no Decreto n¬į 6.041/2007, o qual institui a pol√≠tica de desenvolvimento da biotecnologia no Brasil, o termo biotecnologia representa um conjunto de tecnologias que ‚Äúutilizam sistemas biol√≥gicos, organismos vivos ou seus derivados para a produ√ß√£o ou modifica√ß√£o de produtos e processos para uso espec√≠fico‚ÄĚ, bem como para gerar novos servi√ßos de alto impacto em diversos segmentos industriais.

A biotecnologia √© alicer√ßada em tr√™s √°reas do conhecimento, nas ci√™ncias da engenharia, nas ci√™ncias da biologia e na qu√≠mica, envolve o conhecimento cient√≠fico e tecnol√≥gico destas √°reas tais como: biologia molecular e celular, gen√©tica, bioqu√≠mica, enzimologia, fisiologia, microbiologia, imunologia, cin√©tica e c√°lculo de biorreatores, processos downstream, biorrefinarias, biocombust√≠veis, inform√°tica, etc. que vem se demonstrando essencial ao desenvolvimento de √°reas setoriais como: sa√ļde humana, agropecu√°ria, industrial e ambiental.

Tem como ferramentas a enzimologia; a biotransforma√ß√£o; a bioprodu√ß√£o; os estudos gen√©ticos e metab√≥licos (gen√īmica, transcript√īmica, prote√īmica e matabol√īmica); a bioinform√°tica, os biocombust√≠veis, e a biotecnologia ambiental, conforme Perfis Profissionais do Futuro: Biotecnologia da FIEP.

A Biotecnologia faz parte das tecnologias do futuro NBIC, juntamente com a Nanotecnologia , a Inform√°tica e as Cogno tecnologias.


O Curso

A estrutura do curso de Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia da UFPR Setor Palotina assegura ao formando a aquisi√ß√£o dos conhecimentos e compet√™ncias para analisar, conceituar e implementar t√©cnicas e processos no √Ęmbito da √°rea de conhecimento da Engenharia Biotecnol√≥gica. Do ponto de vista cient√≠fico-tecnol√≥gico, as mat√©rias abordadas conferem uma s√≥lida e adequada forma√ß√£o relativa a processos qu√≠micos e biol√≥gicos. Considera-se que as disciplinas lecionadas no foro da microbiologia e da gen√©tica fornecem os conhecimentos adequados para a compreens√£o e caracteriza√ß√£o do funcionamento de microrganismos, quer ao n√≠vel biomolecular, quer ao n√≠vel celular.

O Curso de Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia tem a finalidade de proporcionar condi√ß√Ķes para que o aluno desenvolva compet√™ncias e habilidades referentes ao perfil profissional desejado, atendendo assim aos objetivos propostos.

A matriz curricular oferece conte√ļdos de forma√ß√£o b√°sica, profissionalizante e espec√≠fica que se integram mediante processo educativo fundamentado na articula√ß√£o entre teoria e pr√°tica. Al√©m destas, tamb√©m temos as atividades complementares obrigat√≥rias e flex√≠veis, as quais permitem ao aluno direcionar sua forma√ß√£o e consequentemente sua √°rea de atua√ß√£o. Atendendo desta maneira a Resolu√ß√£o n¬į 11/2002 do CNE/CES, a qual institui as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) para os cursos de gradua√ß√£o em Engenharia.

Conte√ļdos curriculares cient√≠ficos culturais a serem cumpridos para obten√ß√£o do t√≠tulo de bacharel em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia:

Disciplinas do n√ļcleo b√°sico 1.026 h
Disciplinas do n√ļcleo profissionalizante 612 h
Disciplinas do n√ļcleo espec√≠fico 1.296 h
Atividades complementares obrigatórias Optativas 162 h
TCC 36 h
Estágio obrigatório 360 h
Atividades complementares flexíveis Atividades formativas 126 h
Total 3.618 h

Atuação profissional:

Diante do fato de que as bioci√™ncias estar√£o entre as √°reas que mais v√£o atrair investimentos profissionais ao longo deste s√©culo, a biotecnologia merece especial destaque devido ao seu car√°ter inovador e pela elevada potencialidade de gerar novos produtos para o progresso da agricultura, da gera√ß√£o de energia e da sa√ļde humana e animal.

O curso de Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia forma profissionais para atuarem no desenvolvimento e melhoria de processos e produtos biotecnol√≥gicos, assim como em projetos e constru√ß√£o de equipamentos, m√°quinas e ind√ļstrias de biotecnologia. O engenheiro de bioprocessos e biotecnologista tem um perfil altamente inovador, empreendedor e t√©cnico, sendo indispens√°vel para ind√ļstrias e laborat√≥rios de pesquisa que utilizem a biotecnologia como ferramenta.

Podendo atuar nas √°reas:

– Sa√ļde: vacinas; hemoderivados; biomateriais; kits diagn√≥sticos; gen√īmica, prote√īmica, nanobiotecnologia, neuroci√™ncia, etc.

– Agropecu√°ria: tecnologias para detec√ß√£o de pragas e doen√ßas; vacinas, f√°rmacos, kits diagn√≥stico; probi√≥ticos; bioprocessos; introdu√ß√£o de genes em variedades comerciais de plantas e animais; tecnologias biol√≥gicas para reprodu√ß√£o animal e vegetal; biof√°bricas moleculares de compostos de alto valor agregado; fitoqu√≠mica, gen√īmica, prote√īmica, bioinform√°tica, etc.

РIndustrial: biocombustíveis; enzimas industriais e especiais; biopolímeros; inoculantes para fixação de N2; processos fermentativos para produção de alimentos e bioprodutos, etc.

РAmbiental: biorremediação, tratamento de resíduos agroindustriais, etc.

– etc.


Quadro:

Duração do curso: 5 anos
Turno: noturno
Vagas: 65
Local: Setor Palotina РRua Pioneiro, 2153. Bairro Jardim Dallas РPalotina РPR. cep 85950-000

Contato com a coordenação:

Professor Dr. Jamal Abd Awadallak

√Ārea de atua√ß√£o: Processos Qu√≠micos e Bioqu√≠micos
E-mail: jamal@ufpr.br

 

E-mail geral da coordenação: coordebb@ufpr.br

 

Secret√°ria do Curso:

Cassiane Gris Basso

Atendimento remoto  via email apoioacademico@ufpr.br

 

 


Comiss√Ķes do Curso¬†


COLEGIADO DO CURSO 

Coordenador¬† –¬†Jamal Abd Awadallak

Vice-Coordenadora –¬†Tania Sila Campioni Magon

 

Membros

 

Departamento de Biociências

Titular: Cristina Beatriz Aroca Ribeiro

Suplente: Eliane Cristina Gruszka Vendruscolo

Departamento de Biodiversidade

Titular: Valéria Ghisloti Iared

Suplente: Vagner Gularte Cortez

Departamento de Ci√™ncias Agron√īmicas

Titular: Roberta Paulert

Suplente: Patrícia da Costa Zonetti

Departamento de Engenharias e Exatas

Titular: Luis Fernando Souza Gomes

Suplente: Leidi Cecilia Friedrich

Titular: Raquel Stroher

Suplente: Eliane Hermes

Titular: Mabel Karina Arantes Alves

Suplente: Dilcemara Cristina Zenatti

Departamento de Sociais e Humanas

Titular: Roberto Rochadelli

Suplente: Eliana Santana Lisb√īa

Servidores técnico-administrativos

Titular: Susiana Galli

Suplente: Maiara Aguiar

 

A coordena√ß√£o e vice-coordena√ß√£o do curso √© exercida, respectivamente, pelos professores¬†Jamal Abd Awadallak (PORTARIA N¬ļ 1438/REITORIA, DE 28 DE OUTUBRO DE 2020)¬†e¬†Tania Sila Campioni Magon (PORTARIA N¬ļ 1439/REITORIA, DE 28 DE OUTUBRO DE 2020), com mandato at√©¬†03/11/2022.

Os demais membros foram designados pela¬†Portaria 1026/2020¬†e¬†Portaria 1030/2020¬†com substitui√ß√Ķes pela¬†Portaria 1048/2020¬†e¬†Portaria 1152/2021.

 


N√öCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE – NDE

Presidente: Jamal Abd Awadallak  jamal@ufpr.br

Representantes do Departamento de Biociências

Titular: Marise Fonseca dos Santos, Suplente: Fábio Rogério Rosado

Representante do Departamento de Ci√™ncias Agron√īmicas

Titular: Luciana Grange

Representantes do Departamento de Sociais e Humanas

Titular: Roberto Rochadelli, Suplente: Luiz Carlos Dias

Representantes do Departamento de Engenharias e Exatas

Titular: Dilcemara Cristina Zenatti

Suplente: Eliane Hermes

Titular: Tania Sila Campioni Magon

 


COMISS√ÉO DE EST√ĀGIO – COE

Raquel Ströher (Titular) raquelstroher@ufpr.br

Luis Fernando Sousa Gomes (Suplente) luisfernando@ufpr.br

 


ATIVIDADES FORMATIVAS – AF

Roberta Paulert (Titular) roberta@ufpr.br

Raquel Ströher (Suplente) raquelstroher@ufpr.br

 


PROGRAMA DE ORIENTAÇÃO ACADÊMICA РPOA

Adriana Fiorini Rosado. E-mail: adriana.fiorini@ufpr.br

Jamal Abd Awadallak. E-mail: jamal@ufpr.br

Tania Sila Campioni Magon. E-mail: tania.campioni@ufpr.br

SEI_UFPR – 2519322 – Portaria POA

 

Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Universidade Federal do Paraná
Setor Palotina
Rua Pioneiro, 2153
CEP: 85950-000 - Palotina (PR)
Fones: +55(44)3211-8500 / 3211-8501
E-mail: setorpalotina@ufpr.br

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor Palotina
Rua Pioneiro, 2153
CEP: 85950-000 - Palotina (PR)
Fones: +55(44)3211-8500 / 3211-8501
E-mail: setorpalotina@ufpr.br

Imagem logomarca da UFPR

©2021 - Universidade Federal do Paraná - Setor Palotina

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR