Semiologia Geral e Laboratório Clínico

Código: AVP 415

Carga horária total: 120h; teórica: 2h; prática: 4h.

Professores responsáveis: Marilene Machado Silva

 

CRONOGRAMA DA DISCIPLINA PARA O 1º SEMESTRE DE 2008

 

 

Ementa:

Introdução à semiologia; Contenção física dos animais domésticos; Meios semiológicos; Plano geral do exame clínico; Exame semiológico dos sistemas digestório de pequenos animais, de ruminantes; de eqüídeos. Exame semiológico da pele e anexos.Semiologia dos sistemas genital; glândula mamária em ruminantes. Exame semiológico dos sistemas circulatório; respiratório; urinário; músculo-esquelético e do sistema nervoso. Avaliação laboratorial das funções hepática, pancreática, renal, muscular. Hematologia e Provas de coagulação sanguínea. Urinálise. Avaliação endócrina, lipídica e metabólica. Exame laboratorial dos líquidos cavitários e líquor.

 

Objetivo:

Fornecer ao aluno conhecimento aplicado do exame semiológico dos animais domésticos em seus vários sistemas biológicos, bem como, dos meios de abordagem e contenção física das espécies domésticas. Capacitar o aluno a realizar o exame clínico adequado.

Fornecer ao aluno conhecimentos relacionados aos exames laboratoriais indicados na avaliação de cada sistema corpóreo, capacitando-o a interpretar e a realizar estes exames.

 

 

 

Conteúdo programático:

 

Introdução à semiologia.

Contenção física dos animais domésticos.

Meios semiológicos: inspeção, palpação, auscultação, percussão, olfação.

Plano geral do exame clínico: Identificação, anamnese, exame físico e exames complementares.

Exame físico: avaliação do estado geral (estado cárneo, excitabilidade, atitudes características).

Exame semiológico do sistema digestório de pequenos animais.

Exame semiológico do sistema digestório de animais ruminantes.

Exame semiológico do sistema digestório de eqüídeos.

Exame semiológico da pele.

Exame otológico.

Exame oftalmológico.

Semiologia do sistema genital em machos e em fêmeas.

Semiologia da glândula mamária em ruminantes.

Exame semiológico do sistema circulatório.

Exame semiológico do sistema respiratório.

Exame semiológico do sistema urinário.

Semiologia do sistema músculo-esquelético em pequenos animais.

Semiologia do sistema músculo-esquelético em grandes animais.

Semiologia do sistema nervoso.

Avaliação laboratorial da função hepática.

Avaliação laboratorial da função pancreática.

Hematopoiese.

Eritrograma.

Leucograma.

Provas de coagulação sanguínea.

Avaliação laboratorial da função renal e urinálise.

Avaliação endócrina, lipídica e metabólica.

Exame laboratorial dos líquidos cavitários e líquor.

Avaliação laboratorial da função muscular.

 

Procedimentos didáticos:
 

Exposição dos assuntos e elucidação das dúvidas.

Contenção dos animais e início da aplicação dos meios semiológicos.

Aplicação dos conhecimentos adquiridos nos animais do Hospital Veterinário.

Descrição do exame realizado.

Realização e interpretação dos exames laboratoriais.

 

Critérios de avaliação:
 

Serão aplicadas quatro provas com questões de múltipla escolha ou objetivas, questões discursivas e de associações. Serão aplicadas, também, duas provas práticas, uma ao final de cada semestre, todas as provas serão de caráter cumulativo. A sétima nota será referente a relatórios de aulas práticas realizadas durante o ano. A média anual será a soma das sete notas dividida por sete.

 

Bibliografia:

 

  1. BENJAMIN, M.N. Outline of Veterinary Clinical Patology. 3ª ed. Iowa State University Press, 1978. 351 p.
  2. BLOOD, D.C. RADOSTS, O.M. Clínica Veterinária – Guanabara Koogan, 1991, 7ª ed. 1263p.
  3. BRAZ, M.B. Semiologia Médica Animal. 1ª ed. Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 1971. 333 p.
  4. CALDAS, M.C. Propedêutica Clínica. 1ª ed. Salvador, Centro editorial e didático da Universidade Federal da Bahia, 1985. 216 p.
  5. COLES, E.H. Patologia Clínica Veterinária. 3ª ed. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 1984, 556 p.
  6. COLES, E.H. Veterinary Clinical Pathology. 4ª ed. Philadelphia. W.B. Saunders, 1986, 486 p.
  7. DUCAN, J.R.; PRASSE, K.W. Patologia Clínica Veterinária. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 1982, 217 p.
  8. ETTINGER, S.J. Tratado de Medicina Interna Veterinária. 3ª ed. São Paulo, Manole editora, 1992, 2557 p.
  9. JAIN, N.C. Scahlm´s Veterinary Hematology. 4ª ed. Philadelphia, Lea & Febiger, 1986, 1221 p.
  10. KANEKO, J.J. Clinical Biochemistry of Domestic Animals. 4ª ed. New York, Acedemic Press, 1989, 935 p.
  11. KANTEK, C.E.G.; PACHALY, J.R. Manual de Hematologia Veterinária. São Paulo, Varela editora, 1994, 196 p.
  12. OSBORNE, C.ª; LOW, D.G.; FINCO, D.R. Canine and Feline Urology. Philadelphia, Lea & Febiger, 1975, 807 p.
  13. ROSENBERGER, G. Exame Clínico dos Bovinos. 2ª ed. Rio de Janeiro, gunabara Koogan, 1987, 429p
  14. WILLARD, M.D.; TVEDTEN, H.; TURNWALD, G.H. Small Animal Clinical Diagnosis by Laboratory Methods. 2ª edition. W.B. Saunders, Philadelphia, 1995.
  15. BIRCHARD, S.J.; SHERDING, R.G. Manual Saunders: Clínica de Pequenos Animais. São Paulo: ROCA, 1998.
  16. BIRCHARD, S.J.; SHERDING, R.G. Saunders Manual of Small Animal Practice. Philadelphia : Saunders, 1994.
  17. BRAZ, M.B. Semiologia Médica Animal, 2.vol. 2. ed. Calouste, Gulbenkian, Lisboa, 1981.
  18. DIRKSEN, G. ; GRUNDER, H.D.; STOBER, M. Rosemberger: Exame Clínico dos Bovinos 2ª.ed. Rio de Janeiro: Guanabara-Koogan, 1983/1987.
  19. DIRKSEN, G. ; GRUNDER, H.D.; STOBER, M. Rosemberger: Exame Clínico dos Bovinos 3ª.ed.  Rio de Janeiro: Guanabara-Koogan, 1993.
  20. ETTINGER, S.J. Tratado de Medicina Interna Veterinária: Moléstias do Cão e do Gato; 4 vol.; 3ª.ed. Manole São Paulo, S.P., 1992.
  21. ETTINGER, S.J. Manual de Medicina Interna Veterinária. São Paulo: Manole, 1996.
  22. GARCIA, M ; LIBERA, A.M.M.P.; BARROS FILHO, I.R. Manual de Semiologia e Clínica dos Ruminantes. São Paulo: Varela, 1996.
  23. GUNTHER, M. Diagnóstico Clínico Veterinário. Zaragoza: Acribia, 1982.
  24. HOFFMANN, R.P. Diagnóstico de Parasitismo Veterinário. Porto Alegre: Sulina, 1987.
  25. KANEKO, J.J.; HARVEY, J.W.; BRUSS, M.L. Clínical Biochemistry of Domestic Animal. 5ª.ed. San Diego: Academic Press, 1997.
  26. KELLY, W.R. Diagnóstico Clínico Veterinário.  3ª.ed.  Rio de Janeiro: Discos CBS, 1986.
  27. MATOS, M.S.; MATOS, P.F. Laboratório Clínico Médico Veterinário. Rio de Janeiro: Atheneu,1988.
  28. MEYER, D.J.; COLES, E.H.; RICH, L.J. Medicina de Laboratório Veterinária: Interpretação e Diagnóstico. São Paulo: Roca, 1995.
  29. NELSON, R.W.;COUTO, C.G. Fundamentos de Medicina Interna de Pequenos Animais; Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, R.J., 1994.
  30. NELSON, R.W.;COUTO, C.G. Medicina Interna de Pequenos Animais; Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, R.J., 1998.
  31. PRATT, P.W. Laboratory  Procedures for Animal Health Techinician. 5ª.ed. American Veterinary, 1985.
  32. RADOSTITS, O.M.; MAYHEW, I.G.J.; HOUSTON, D.M. Exame Clínico e Diagnóstico em Veterinária. Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, 2002.
  33. SILVEIRA, J.M. Interpretações e Exames Laboratoriais em Veterinária 100 casos clínicos. Rio de Janeiro: Guanabara, 1988.
  34. SMITH, B.P. Tratado de Medicina Interna de Grandes Animais: Moléstia de Eqüinos, Bovinos e Caprinos. São Paulo: v.1. Manole,1993.
  35. SMITH, B.P. Tratado de Medicina Interna de Grandes Animais: Moléstia de Eqüinos, Bovinos e Caprinos. São Paulo: v.2. Manole,1994.
  36. SODIKOFF, C.H.; Laboratory Profiles of Small Animal Diseases. 3ª.ed. St Louis: Mosby, 2001.
  37. SPEIRS, V.C. Clinical Examination of Horses.  Philadelphia: W.B. Sunders, 1997.
  38. STASHAK, T.S. Claudicação em Eqüinos Segundo Adams.4ª.ed. São Paulo: Roca, 1994.
  39. WILLARD, M.D.; TEVDTEN, H.; TURNWALD, G.H. Small Animal Clinical Diagnosis by Laboratory Methods. 3ª.ed.   Philadelphia: W.B. Saunders Company,1999.